loading...

RESUMO DO DIA DA CHAMPIONS LEAGUE - OITAVAS DE FINAL - JOGO DE VOLTA (17/03/2015)


Está virando rotina na UEFA Champions League, não tem jogo ruim ou sem emoção nessa fase de mata-mata. Nesta terça feira tivemos mais uma mostra disso com dois jogos empolgantes Atlético de Madrid x Bayer Leverkusen e Mônaco x Arsenal.

No principado de Mônaco os ingleses do Arsenal tentavam reverter a derrota sofrida em Londres por 3 a 1 e apesar de muita luta, domínio do jogo e jogando melhor que os donos da casa os ingleses venceram mas não se classificaram, 2 a 0 foi o placar. Os dois gols do Arsenal igualaram o placar somado em 3 a 3, porém os britânicos ainda precisavam de pelo menos mais um gol para se classificar - afinal o time francês tinha marcado 3 gols fora de casa contra 2 do Arsenal.
Subasic fez pelos três grandes defesas durante o jogo, uma delas tirando a bola encima da linha do gol, além de mais pelo menos 3 chances claras de gol ou seja, mais uma vez o Arsenal ficou no meio do caminho e segue sua sina de eliminações na UCL. Já do Mônaco o que se espera é uma melhora no futebol apresentado hoje pois com o rendimento dessa terça a chance eliminação na próxima fase é quase uma certeza.

O heroi do dia vem do duelo entre Atlético de Madrid e Bayer Leverkusen. O jogo de ida terminou 1 a 0 para os alemães, assim o Atlético precisava vencer por 2 a 0 e assim se classificaria e sua torcida cantava sem parar para empurrar o tima para a vitória. Toda a festa estava armada, mas uma preocupação surgiu. O goleiro titular Moya em uma saida de gol sentiu uma contusão na coxa e teve que ser substitudo, no seu lugar entrou Oblak que pouco jogou na temporada. Nas primeiras jogadas em campo o arqueiro parecia estar inseguro mas com o decorrer do tempo foi criando confiança.
Em um chute que desviou na zaga e enganou Leno o Atlético abriu o placar no primeiro tempo (resultado que levava a partida para a prorrogação). Apesar da pressão o Atlético não foram criadas grandes chances de gol e os alemães apesar de investirem bastante bastante nos contra ataques também não levaram grandes sustos ao gol espanhol.
1 a 0 no tempo normal e o mesmo placar na prorrogação (que apesar de ter sido bem aberta e muito corrida não ofereceu perigo incomum as metas) e assim os pênaltis chagaram.
E na vitória por 3 a 2 do Atlético a diferença ficou por conta da defesa incomum e de grande calma do goleiro Oblak. Em um momento de tensão como são os pênaltis a maioria dos goleiros não tem a paciência de esperar o cobrador  se decidir, mas Oblak esperou até o ultimo momento e defendeu o pênalti cobrado por Çalhanoglu. Esse pênalti apesar de ser o primeiro cobrado pelos alemães teve sua importância devido ao pênalti desperdiçado por Raul Garcia - primeiro cobrado de todos. Assim Oblak saiu do banco para ser um herói nesta terça de Champions League!



MONACO 0 - 2 ARSENAL



MONACO: SUBASIC; FABINHO, KURZAWA, ABDENNOUR, WALLACE, DIRAR (ELDERSON), JOÃO MOUTINHO, KONDOGBIA, TOULALAN, BERBATOV (BERNARDO SILVA), MARTIAL (FERREIRA-CASRRASCO).
TÉCNICO: LEONARDO JARDIM

ARSENAL: OSPINA; MERTESACKER, KOSCIELNY, MONREAL (GIBBS), BELLERIN, OZIL, SANTI CARZOLA, COQUELIN (RAMSEY), GIROUD, ALEXIS SANCHEZ, WELBECK (WALCOTT).
TÉCNICO: ARSENE WENGER

GOLS: GIROUD, RAMSEY.



ATLÉTICO DE MADRID 1 (3) - 0 (2) BAYER LEVERKUSEN


ATLÉTICO: MOYA (OBLAK); GAMEZ, JUANFRAN, MIRANDA, GIMENEZ, MARIO SUAREZ, KOKE, ARDA TURAN, GRIEZMANN, CANI (RAUL GARCIA), MANDZUKIC (TORRES).
TÉCNICO: DIEGO SIMEONE

LEVERKUSEN: LENO; SPAHIC, HILBERT, WENDELL, OMER TOPRAK, BENDER (PAPADOPOULOS), ÇALHANOGLU, CASTRO, BELLARABI, SON (ROLFES), DRMIC (KIESSLING).
TÉCNICO: ROGER SCHMIDT
Share on Google Plus

About Danilo Bruno

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 facebook:

Postar um comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();